Quarenta anos após ser perseguida e demitida, tradutora conquista o direito de ser reintegrada a Itaipu

Quarenta anos após ser perseguida e demitida, tradutora conquista o direito de ser reintegrada a Itaipu

Uma geração inteira (quarenta anos), 14.600 longos dias, mais de 350 mil horas esperando por justiça, aguardando a oportunidade de limpar seu nome, resgatar sua honra, sua história e retornar ao seu posto de trabalho. Este foi o tempo e esta é a história de Sonia Castanheira, hoje com 71anos, uma perseguida política dos tempos da ditadura, uma vítima da crueldade militar que esperou uma vida inteira para lutar por justiça e assegurar que uma a injustiça histórica, fosse corrigida. E ela foi.

Leia mais 

Aquífero Guarani


download (2)

Aprovada a proposta que confirma os termos do acordo sobre a preservação do Aquífero Guarani, maior reserva de água doce subterrânea transfronteiriça do mundo (PDC 262/15), que passa pelos territórios de Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai.

No acordo, os quatro países se comprometem em articular ações para a conservação e o aproveitamento sustentável do aquífero, com cooperação técnica e troca de informações sobre atividades e obras que possam ter efeitos na região e em suas fronteiras.
Os países também assinaram o compromisso de adotar todas as medidas necessárias para evitar que atividades e obras de aproveitamento ou exploração do Aquífero Guarani causem prejuízos sensíveis aos outros países ou ao meio ambiente.

FONTE 

 

STJ manda soltar Diego Souza, sobrinho do Reni Pereira

STJ concedeu liberdade ao empresário Diego Souza, sobrinho do ex-prefeito Reni Pereira. Diego foi preso na 4ª fase da Operação Pecúlio. Souza fora nomeado pelo Reni Pereira como assessor técnico. Saiu sem pagamento de fiança e sem tornozeleira.

TULIO TAMBÉM SAIU

images (2)

Esse mesmo STJ mandou soltar o advogado Tulio Bandeira sem pagamento de fiança e sem tornozeleira. Sai terça feira.

PITACO: A doutrina atual do STJ é mandar soltar. O Tribunal Superior entende que pessoas acusadas de crimes não devem permanecer presas indefinidamente sem condenação. O STJ está sendo aplaudido por advogados criminalistas de todo o país.

NUCRIA PRENDE HOMEM ACUSADO DE MOLESTAR ENTEADA 

1061ee12-2405-4ea8-a2ca-946b4fc07343

Na tarde desta sexta-feira (17), investigadores do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítima de Crime – NUCRIA realizaram o cumprimento do Mandado de Prisão Temporária expedido pela Vara de Violência Doméstica da Comarca de Foz do Iguaçu, em desfavor de um homem, 58 anos de idade, na região do Portal da Foz.

O homem é acusado de ter molestado sexualmente a própria enteada de 09 anos de idade, que os fatos ocorriam há algum tempo, sendo que em um dos abusos sexuais a violência utilizada para a prática do ato foi tamanha que levou à fratura de um dos braços da criança.

A delegada titular do Nucria, Iane Cardoso do Nascimento ressalta a importância da denúncia por parte da população para que se possa responsabilizar criminalmente os responsáveis por tais atos.

O suspeito será encaminhado ao Sistema Penitenciário, onde deve permanecer à disposição da Justiça. Ele responderá pelo crime de estupro de vulnerável.

DECIDIDO AS COMPOSIÇÕES PARA A ELEIÇÃO DE 2 DE ABRIL

Phelipe Mansur (REDE)

Vice Joane Vilela (PDT)

Chico Brasileiro (PSD)

Vice Nilto Bobato (PC DO B)

Cel. Marcos Antonio Jahnke (PTN)

Vice Carlos Osorio (PSC)

Irineu Ribeiro (PV)

Vice Sirlei

Osli Machado (PPS)

Vice Eduardo Spada (chapa pura)

Teremos assim 5 candidatos na disputa.

OS BOIS VOLTARAM PARA O CURRAL 

O Nordeste ainda é o curral eleitoral de Lula.

Entre os nordestinos, ele tem 58,2% dos votos, de acordo com a pesquisa CNT/MDA.

No Sul e no Sudeste, ele já foi enterrado.

Polícia fiscaliza lojas especializadas em produtos para narguilé em Foz do Iguaçu

Em um dos locais vistoriados foi encontrado um revolver calibre 38

03

Polícia Federal, Anvisa e Polícia Rodoviária Federal, com apoio de servidores da Receita Federal e da Prefeitura Municipal deflagraram na noite desta quinta-feira(16), a Operação Tabacaria.

Vários estabelecimentos da cidade que comercializam produtos usados no consumo narguilé foram fiscalizados.

O objetivo é vistoriar se os produtos estavam dentro das exigências sanitárias e fiscais. Vários produtos foram apreendidos. Em um dos locais vistoriados foi encontrado um revolver calibre 38, com seis munições.

CUMPRIMENTO DE MANDADO DE PRISÃO

Às 10h15 do dia 16, uma equipe do Gotamotran abordou um indivíduo na rua Claudio Coutinho, que estava com uma tornozeleira (monitoração eletrônica). Ao checar sua documentação via central de operações, foi constatado que havia um mandado de prisão contra ele, sendo encaminhado à delegacia.

CUMPRIMENTO DE MANDADO DE BUSCA E APREENSÃO

Às 7h45 do dia 16, uma adolescente foi abordada na rua das Missões no Jardim América. Havia um mandado de busca e apreensão contra ela, sendo encaminhada à delegacia especial do adolescente.

Às 7h do dia 16, durante patrulhamento na rua Flor de Lis, foi avistado um indivíduo em atitude suspeita. O adolescente abordado tinha uma mandado de busca e apreensão.

APREENSÃO DE ENTORPECENTE E MUNIÇÕES

Às 23h do dia 16, foi repassado pelo serviço reservado da Polícia Militar que na rua Guimarães Rosa, próximo a um campo de futebol, um indivíduo teria escondido em uma árvore, uma sacola contendo drogas. Os policiais da Rocam foram até o local e localizaram no interior da sacola um tablete de maconha que totalizou 1Kg, 10 munições calibre 7.62, e uma munição calibre .38.

FURTO

Às 17h, um indivíduo roubou alguns objetos de uma residência na Vila Yolanda. Segundo relatos de vizinhos, o rapaz seria conhecido, pois era parente de uma moradora da região e estaria com uma tornozeleira eletrônica. Os policiais foram até a casa dele e encontram os objetos furtados. O autor do furto foi presto. Um outro rapaz que estava no local também foi preso pois estava com 7 “buchas” de cocaína. Foram recuperados brincos, correntes e o televisor da vítima.

FURTO

Às 14h, uma equipe policial deslocou até uma residência situada na rua Angeli Favassa., onde dois indivíduos pularam o muro e subtraíram objetos que estavam no imóvel. Algumas pessoas informaram terem visto dois indivíduos suspeitos com mochilas nas costas. Os policiais fizeram diligências e conseguiram prender um deles. Foram recuperados tênis, correntes, pulseiras, bonés e um vídeo game.

APREENSÃO DE ARMAS E MUNIÇÕES

Às 14h do dia 16, a Polícia Militar de Medianeira e uma equipe da Polícia Civil, receberam uma denúncia de que os envolvidos no roubo a caixa eletrônico de um banco em Vera Cruz encontravam-se escondidos em uma residência na linha Esmeralda em Medianeira.

As equipes da PM e da Polícia Civil foram até o endereço e encontraram um veículo i/citroen c4 Pallas de cor prata contendo em seu interior diversas caixas de cigarros. Diante do flagrante pelo crime de contrabando, foi dado voz de prisão ao morador da residência. Foram encontradas duas armas de fogo, sendo uma espingarda rossi, cal 36 e uma espingarda sem marca aparente, onde inicialmente era de pressão e foi transformada em cal. 22. Foram apreendidos ainda 61 munições de cal. 22, 3 munições cal .36 intactas e duas deflagradas e 3 aparelhos rádio transmissor.

BRASILZÃO VARONIL…

Em números absolutos o Brasil é hoje o lugar do mundo onde mais se morre por homicídio.

 

Domador de Lobões!

paixaoDomador

Fachin arquiva inquérito contra Collor e Lindbergh na Lava Jato

fachin

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), arquivou inquérito instaurado contra o senador Fernando Collor (PTC-AL) no âmbito da Operação Lava Jato. O inquérito apurava acusações do ex-diretor da área internacional da Petrobrás Nestor Cerveró, que apontou envolvimento de Collor em esquema de corrupção de agentes públicos e lavagem de dinheiro relacionado à BR Distribuidora. O caso se referia à construção de um prédio do escritório da BR Distribuidora na Bahia. As informações são do Estadão.
Leia Mais »

POLÍCIA FEDERAL PEDE MAIS 60 DIAS PARA INVESTIGAR RENAN NA OPERAÇÃO LAVA JATO

POLÍCIA FEDERAL PEDE EXTENSÃO DE PRAZO PARA INVESTIGAR RENAN

O pedido é mais uma reviravolta no caso, que já teve uma denúncia apresentada pelo procurador-geral da República Rodrigo Janot em 12 de dezembro antes de a PF concluir o inquérito. Diante disso, o ministro Teori Zavascki devolveu, na ocasião, a documentação da denúncia à PGR para que se aguardasse a conclusão das investigações da Polícia Federal.

A DENÚNCIA APRESENTADA NO ANO PASSADO

“De fato, acertada a decisão de sua Excelência. Há dados já disponíveis na Polícia Federal que, mesmo estritamente ligados aos fatos em apuração, não foram utilizados pelo Ministério Público”, aponta o delegado Alessandro Maciel Lopes na solicitação encaminhada no dia 21 de janeiro ao ministro Fachin.

Agora, a força-tarefa da Lava Jato na PF responsável pela investigação de políticos com foro privilegiado solicitou a realização de novas diligências “visando ao cabal esclarecimento dos fatos”  contra o peemedebista, que deixou a Presidência do Senado no começo do ano. Atualmente, Renan é líder do PMDB na Casa.

Quando Teori devolveu a documentação a Janot, o procurador-geral encaminhou uma manifestação ao ministro no mesmo dia, afirmando que depois do pedido de prorrogação, a PGR conseguiu juntar “elementos suficientes de prova”, para denunciar Renan.

O procurador ainda citou a Constituição e apontou que ela impõe “máxima celeridade possível nas investigações”. Ele também ressaltou que, na denúncia, apresentou uma solicitação para que os documentos do inquérito da PF fossem juntados aos autos.

Denúncia. De acordo com a denúncia da PGR, Renan teria recebido R$ 800 mil em propina por meio de doações da empreiteira Serveng. O deputado Aníbal Gomes foi denunciado junto com Renan Calheiros. No pedido, o PGR solicita ainda a perda das funções públicas dos parlamentares.

Em troca dos valores, os parlamentares teriam oferecido apoio político ao então diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, que mantinha a empreiteira em licitações da estatal.

Foram identificadas duas doações oficiais ao PMDB, nos valores de R$ 500 mil e R$ 300 mil em 2010, operacionalizadas por um diretor comercial da Serveng, também denunciado. A denúncia aponta ainda que esses valores seguiram do Diretório Nacional do PMDB para o Comitê Financeiro do PMDB/AL e deste para Renan Calheiros, mediante diversas operações fracionadas, como estratégia de lavagem de dinheiro.

Renan já é réu perante o STF em uma ação penal e alvo de outros 10 inquéritos, além da denúncia oferecida em 2016.

A NOTA DE RENAN NA OCASIÃO DA DENÚNCIA:

“O senador Renan Calheiros jamais autorizou ou consentiu que o deputado Aníbal Gomes ou qualquer outra pessoa falasse em seu nome em qualquer circunstância.
O senador reitera que suas contas eleitorais já foram aprovadas e está tranquilo para esclarecer esse e outros pontos da investigação.

Assessoria imprensa
Presidência do Senado”

A NOTA DE ANÍBAL GOMES SOBRE A DENÚNCIA:

“Registre-se, sobre a denúncia do MPF apresentada hoje no Inquérito nº 4216, que o Deputado Federal Aníbal Ferreira Gomes foi intimado, anteriormente, para prestar esclarecimentos específicos nos autos dos Inquéritos nºs 3.984 e 3.989, mas não houve intimação específica do Deputado para sua oitiva no que diz repeito especificamente aos Inquéritos nºs 3.993 e 4.216, os quais tratam do assunto relacionado à Empresa Serveng.

Contudo, inobstante não ter ocorrido a oitiva específica do Deputado sobre os fatos em comento, não pode deixar de ser mencionado que, em oitiva realizada sobre a questão da Serveng, o próprio representante legal da Empresa Serveng, Sr. Paulo Twiaschor, já deixou esclarecido e registrado que o Deputado Federal Aníbal Ferreira Gomes jamais fez qualquer pleito de cadastramento da Empresa Serveng para que a mesma viesse a participar de processos licitatórios junto à Petrobras – até porque a Empresa já era cadastrada e já possuía contratos com a Petrobrás -, tendo o Deputado solicitado única e exclusivamente uma audiência com o Sr. Paulo Roberto Costa para que fosse ali apresentado um projeto de tancagem, por parte da Empresa Serveng em parceria com a empresa chinesa Sinopec, e tal projeto não obteve aprovação no âmbito interno da Petrobras.

Ou seja, a verdade dos fatos é a seguinte:
1) tratou-se da apresentação de um projeto privado que teria seu custo arcado 100% com recursos privados por parte da Empresa Serveng em parceria com a empresa chinesa Sinopec, e o projeto sequer teve andamento ou aceitação no âmbito interno da Petrobras;
2) não houve qualquer pedido do Deputado para cadastramento da Serveng para participação em processos licitatórios da Petrobras, pois, frise-se, a Empresa Serveng, por ser uma empresa de grande porte, já era cadastrada e já possuía inclusive contratos assinados em andamento junto à Petrobrás;
3) o Deputado Federal Aníbal Ferreira Gomes jamais solicitou ou recebeu da Serveng qualquer vantagem para que fosse marcada a audiência com o Sr. Paulo Roberto Costa para apresentação do projeto de tancagem da Empresa Serveng, nem tampouco foi prometida ou oferecida qualquer vantagem ao Sr. Paulo Roberto Costa para que fosse agendada a audiência em questão;
4) sobre eventuais doações realizadas pela Empresa Serveng para o PMDB Nacional ou para o PMDB de Alagoas, o Deputado Federal as desconhece e jamais fez qualquer pedido neste sentido junto à Empresa Serveng e também jamais teve qualquer participação nas eventuais tratativas sobre tais doações;
5) repudia-se com veemência a versão dos fatos apresentada pelo Ministério Público Federal, cabendo registrar que os esclarecimentos necessários sobre os fatos em apuração serão prestados quando da apresentação da defesa, perante o STF, nos autos do Inquérito nº 4216 (ou do Inquérito nº 3993).
Por fim, o Deputado Aníbal Gomes coloca-se à inteira disposição de V.Sa. e também agradece a atenção dispensada.
Gustavo Souto / Águimon Rocha.”(AE)