Sobre gastos desnecessários

Nelso Rodrigues, da Rádio Cultura de Foz do Iguaçu, precisa vir mais vezes a Maringá, onde trabalhou como apresentador e cronista esportivo.
Ontem, ao entrevistar o prefeito Chico Brasileiro, recomendou a Ulisses Maia, que foi seu aluno na UEM, “que não faça bobagem no sentido de descambar para gastos desnecessários e inchaço da máquina”.

No mesmo estúdio estava o ex-prefeito Silvio Barros II, que não emendou o comentário. Como se sabe, Ulisses elegeu-se, entre outras razões, por conta dos gastos desnecessários e não discutidos com a comunidade nas gestões do PP, que por sinal tinha mais de cinco centenas de cargos comissionados, reduzidos agora pelo pedetista para 150.

Aliás, a Prefeitura de Foz do Iguaçu tem 197 CCs, apesar de ser menor que Maringá.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *