Prêmio Comunique-se 2017: revelados os “Monstros Sagrados do Jornalismo”

Brincando com o tema aterrorizante, a premiação realizada em São Paulo contou com a voz (em versão sombria) de Cid Moreira e teve início com pocket show de Nikki Goulart, sósia de Michael Jackson. No meio da cerimônia, mais uma participação especial: Fabio Brazza, músico e improvisador que faz sucesso entre monstros do futebol e milhões de internautas. Ao fim, o encontro conduzido por Felipe Andreoli, Serginho Groisman, Fernanda Gentil, Celso Zucatelli, Fábio Porchat e Thalita Oliveira elevou mais três jornalistas a condição de “Mestres do Jornalismo”: Carlos Alberto Sardenberg (‘Economia – Mídia Falada’), Mauro Beting (‘Esportes – Mídia Escrita’) e Ricardo Boechat (‘Nacional – Mídia Falada’).

Para relacionar, de modo lúdico, o mundo de quem atua na imprensa com o terror e monstrengos, todos os ambientes do Tom Brasil foram parar nas trevas. Localizada na zona sul da capital paulista, a casa de shows teve até a fachada personalizada, além de contar com “fantasmas” espalhados pelos quatro cantos do espaço, que contou uma tenebrosa sala de imprensa, uma assustadora recepção, um pavoroso foyer, estranhos objetivos pendurados nas paredes e um instigante palco. Tudo para levar os convidados para um verdadeiro castelo mal-assombrado.


(Imagem: Mara Garcia)

Leia mais 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *