Arquivo mensais:setembro 2018

Irmão de Beto Richa e outros quatro têm prisão convertida em preventiva pela Justiça

Pepe Richa foi preso na Operação Integração II, que investiga crimes na concessão de rodovias pedagiadas no Paraná. Juiz considerou risco para a ordem pública e econômica para mantê-lo preso.
Pepe Richa, irmão do ex-governador Beto Richa, foi preso na Operação Integração II — Foto: Agência Estadual de Notícias/Reprodução

Pepe Richa, irmão do ex-governador Beto Richa, foi preso na Operação Integração II — Foto: Agência Estadual de Notícias/Reprodução

O juiz Paulo Sérgio Ribeiro, da 23ª Vara Federal de Curitiba, converteu em preventiva (sem prazo) a prisão de Pepe Richa, irmão do ex-governador do Paraná Beto Richa, e de outras quatro pessoas, na noite deste sábado (29).

Todos foram presos na Operação Integração II, como foi batizada a 55ª fase da Operação Lava Jato. Nesta etapa, deflagrada na quarta-feira (26), investiga-se irregularidades na concessão de rodovias pegadiadas do Paraná.

Além de Pepe, foram convertidas para preventiva as prisões de Ivano Abdo, Elias Abdo, Evandro Couto Vianna e Cláudio José Machado Soares.

“(…) diante de um complexo e sofisticado esquema criminoso, que perdura há anos num cenário de corrupção sistêmica, as prisões preventivas de José Richa Filho (Pepe Richa), Elias Abdo e Ivano Abdo se revelam imprescindíveis para preservar a ordem pública e econômica, na tentativa de desarticular a associação criminosa, impedir a reiteração delitiva e recuperar o resultado financeiro criminosamente auferido como proveito da ação ilícita”, justificou o juiz no despacho.

Leia mais