Bandidos instalaram câmeras em frente ao posto da PRF em Céu Azul para vigiar a polícia

Operação cumpre 10 mandados de prisão e 15 de busca e apreensão no oeste do Paraná — Foto: Divulgação/PRF

Operação cumpre 10 mandados de prisão e 15 de busca e apreensão no oeste do Paraná — Foto: Divulgação/PRF

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (16), uma operação contra cinco organizações criminosas que atuam no tráfico internacional de drogas, contrabando e descaminho em Foz de Iguaçu, Santa Terezinha do Itaipu e Céu Azul, no oeste do Paraná.

De acordo com a PF, os agentes cumprem 10 mandados de prisão preventiva e 15 mandados de busca e apreensão nas três cidades. A ação foi batizada de Operação Saúva e conta com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Receita Federal.

A Polícia Federal vai divulgar um balanço das prisões e apreensões ao longo da manhã.

Investigação

A investigação teve início no final de 2017, quando a PF identificou que os cinco grupo atuavam de forma organizada no apoio logístico dos crimes.

Segundo a Polícia Federal, as organizações disponibilizavam motoristas, batedores e locais para armazenamento de mercadoria contrabandeada.

Um dos grupos, de acordo com a PF, mantém uma central de monitoramento, com câmeras de vigilância, instalada em frente a um posto fiscal da PRF, de onde acompanhava em tempo real as ações de fiscalização dos agentes.

Segundo a PF, este grupo presta informações para outras organizações criminosas do país que atuam no contrabando e tráfico de drogas.

De acordo com a PF, um dos grupos mantinha uma central de monitoramento em frente a um posto da PRF para se prevenir contra fiscalizações. — Foto: Divulgação/PRF

De acordo com a PF, um dos grupos mantinha uma central de monitoramento em frente a um posto da PRF para se prevenir contra fiscalizações. — Foto: Divulgação/PRF

Com G 1 PR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *