Vejam o Bonato tentando intimidar o Beni Rodrigues

O notícia de que o prefeito Chico mandou despejar dinheiro no jornaleco chinfrim do Bonato continua perturbando o gajo. Vejam a notinha abaixo extraída da coluna do bicho que come carniça, e do qual o Bonato não se distancia.

E lá vou eu carregar a minha cruz… como o Bonato trocou o nome do jornal mais uma vez, e tirou novo CNPJ sugiro que leiam a matéria que postei em 14 de agosto de 2018… Boa leitura.

CASO GAZETA: SUCESSÃO FRAUDULENTA DETECTADA NO PROCESSO TRABALHISTA


A dupla dinâmica Erminio Gatti/Rogério Bonato deixaram seus ex-funcionários á ver navios…

Saiu uma das primeiras sentenças da Justiça do Trabalho condenando os dirigentes da Gazetinha   a indenizarem uma ex-funcionária do jornal.  Existem dezenas de ações similares tramitando. A Justiça do Trabalho deixou patente na sentença que o jornal que o Bonato segue editando (Gazeta Diário) é sim sucessora da Gazeta do Iguaçu que “faliu”. Portanto, todos os débitos que existem na praça em nome da Gazeta quer seja a nova, ou a velha que fechou,  são de responsabilidade do Erminio Gatti e do Bonato. E esses débitos passam de alguns milhões de reais, o Gatti pode ser que tenha bens para pagar, mas o Bonato não tem é mais quebrado que arroz de quinta. Bonato com o nome sujo na praça, colocou o jornal sucessor no nome do seu filho (Fabinho) que, ao que tudo indica, é tão ou mais enrolado que o pai. Tem problema de crédito, com bebidas e drogas. Abaixo pincei dois trechos do processo. Boa leitura:

“Relata a parte autora que a partir da dissolução irregular da primeira Reclamada em julho de 2016, o Sr. Rogerio Romano Bonato, que antes a administrava, passou a se intitular como sendo seu novo proprietário. Para tanto, abriu uma empresa chamada Gazeta News Empreendimentos, com CNJP nº 13.753.969/0001- 85, embora quem tenha ingressado na estrutura jurídica da empresa seja seu filho Fabius Augusto Andrion Romano, mas sob responsabilidade, mando e gestão do Sr. Rogério Romano Bonato. Aduz que se trata de uma sucessão fraudulenta, que tem por objetivo unicamente livrar o patrimônio do Sr. Erminio Gatti de responder pelas dívidas trabalhistas, fruto das inúmeras demandas que estão sendo propostas junto a esta especializada, o que é de conhecimento público e notório nesta cidade”.

“A única testemunha ouvida nos autos corroborou a tese da exordial no que tange à existência da sucessão ao afirmar que “9) Por volta de 03 meses antes da mudança de sede o Rogério Bonato fez uma reunião com os empregados e falou que a empresa iria mudar, que “a Gazeta não iria ser mais a Gazeta” que a empresa iria evoluir, que o Sr. Ermínio não seria mais o proprietário da empresa e que o Rogério iria ser o responsável por essa nova fase; ele disse também que logo iriam mudar de sede, mas que todos os empregados seriam os mesmos, que toda a equipe seria mantida; aproximadamente 03 meses depois mudaram de sede, e todos os equipamentos, móveis, mobiliário, computadores e etc, também foram transferidos juntos para a nova sede; 10) Formalizou a extinção do seu contrato com a primeira ré junto com a autora e demais empregados, mas mesmo após a formalização continuou trabalhando no mesmo local e nas mesmas funções e acredita que a autora também, porque via ela lá também depois disso; 11) Depois da formalização da extinção do contrato com a primeira ré, continuou trabalhando na sede da empresa por mais 02 meses e depois disso continuou trabalhando para a empresa mas prestando serviços em homeoffice ou seja de sua casa, mas o trabalho continuou o mesmo; 12) Em ambas as empresas estava subordinada ao editor Robson, e ele estava subordinado ao Rogério Bonato” (fl. 254).

No link abaixo a sentença

SENTENÇA

 

 

2 pensou em “Vejam o Bonato tentando intimidar o Beni Rodrigues

  1. Carlos Prates

    Esse Bonato deve ter alguns problemas psíquicos muito graves
    O cara é mais queimado q carvão
    Ele chega nos lugares com uma empáfia que não cabe dentro dele kkkkk
    Ele deve achar q tem algum significado
    Isso é doença
    N pode ser normal
    Sem dizer as contas q nunca foram pagas em bares, cheques e afins
    Foz parece ser a cidade perfeita p esses tipos
    É muito pobretão tirando onda de poderosos kkkkk
    São caloteiros e se passam por pessoas de bem kkkkk
    É muita falta de vergonha na cara feia e gorda

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *