Categorias
outros

Low cost, só que caro

Lembra daquele papo-aranha de que as empresas aéreas iriam baixar a passagem caso pudessem cobrar por qualquer bagagem transportada? OK. A Anac, Agência Nacional de Aviação Civil, ainda não percebeu que o preço subiu. Com a chegada ao Brasil das empresas aéreas de baixo custo, low cost, elas criaram uma nova norma, bem própria: de acordo com a Anac, o passageiro pode transportar até dez kg de bagagem de mão, sem cobrança. Duas aéreas low cost, a Norwegian e a Jet Smart, exigem que os dez kg caibam debaixo do assento. Se não couberem, tarifa nelas. A Norwegian cobra R$ 42,95 e a Jet Smart até R$ 143,00.

E a Anac? Vai bem, obrigado.

Coluna Carlos Brickmann

Compartilhe isto...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *