Publicidade
Categorias
outros

PARTIDOS ALICIAM DEPUTADOS PAGANDO CAMPANHA

É QUANTO VALE O ‘PASSE’ DE DEPUTADO NA JANELA DA INFIDELIDADE

Categorias
outros

Casa aonde morava o Cazuza parece abandonada

Quem passa pela rua aonde está a casa alugada pelo Cazuza (Jardim Panorama) fica com a impressão de que a mesma está abandonada. Nenhum movimento de moradores em seu interior, no que pese as luzes estarem ligadas durante o dia.  E o Hamilton Nunes, o “mito” assinou o contrato como fiador.
Na outra imagem vê-se a intimação que o oficial de justiça usou para citar o Cazuza na PEF 1 de um processo que lhe move a Olguinha na 2ª Vara Cível. E o outro BO do Cazuza com a Rosa Jeronymo segue tramitando no 1º Jecrim. As audiências estão marcadas para o início de abril deste ano. Como podem ver Cazuza mesmo preso segue sendo processado por danos morais da época que era um “proeminente” jornalista da fronteira. Irmão de fé do Oliveirinha que adora postar selfies dele mesmo. Veja essa do gaiato comendo uma frutinha…

A propósito: Estudo da universidade inglesa  Nottingham Trent concluiu que o vício em selfies é um trastorno mental. Um sintoma: postagem de pelo menos seis fotos de si mesmo por dia. Te cuida Oliveirinha…

AUDIÊNCIAS DA NIPOTI

Lembrando que no dia 19 próximo começam as audiências da operação Nipoti (braço da operação Pecúlio) sob a presidência da doutora juíza Flávia Hora Oliveira de Mendonça, que foi, registre-se, a primeira colocada no XVII Concurso Público para Provimento de Cargo de Juiz Federal Substituto da 4ª Região. Doutora Flávia optou por trabalhar em Foz do Iguaçu onde despacha na 3ª Vara Criminal da Justiça Federal, cujo titular é o doutor juiz Pedro Carvalho Aguirre Filho.

Nas mãos de Dodge, delação de Fanini “não ganhou vida”

O colunista Lauro Jardim, de O Globo, registra: “Exatamente seis meses após sua posse como PGR, já dá para firmar uma convicção a respeito de Raquel Dodge: delação não é com ela. De lá para cá, nenhuma delação nova ganhou vida; apenas as antigas andaram.”

Contraponto complementa: uma das delações “novas”, negociadas com a PGR após a posse de Raquel Dodge, é a do ex-diretor da Educação, Mauricio Fanini, encrencado no desvio de verbas que deveriam ter servido à construção e reforma de escolas no Paraná. Ele firmou a delação em novembro (Dodge tomou posse em setembro) e continua preso.

A delação da Fanini ainda não “ganhou vida”, ao contrário da feita por seu cúmplice, o dono da Construtora Valor, Eduardo Lopes de Souza, por meio da qual jorraram propinas para, supostamente, financiar a campanha de 2014 e molhar a mão de alguns políticos.

O BRASIL NÃO TEM JEITO

Joesley Batista foi solto por “excesso de tempo” de prisão preventiva. Ele revelou haver subornado 1.800 políticos ou agentes públicos, aliciou procurador do Ministério Público Federal e ainda se aproveitou do próprio escândalo para manipular o mercado de ações e de dólares.
PROFESSOR DELFIM NETO SE SAFOU
Faltou “aquilo roxo” dos meninos do MPF para pedirem a prisão do ex-ministro por três vezes da ditadura militar, ex-deputado federal por quatro mandatos, atual consultor do Michel Temer, o economista Delfim Neto. Teriam descoberto que Delfim recebeu CR$ 15 milhões de propina de um esquema criminosos para construir um hidroelétrica. Uma pena que este figurão da república não tenha ido conhecer o cheiro do boi. Pelo numerário da pilhagem teria que ser preso mesmo que por pouco tempo. Tá difícil de mudar o Brasil.

 

Categorias
outros

16 pistolas são apreendidas dentro de TVs em Santa Terezinha de Itaipu

Pistolas nove milímetros iam ser levadas ao Rio de Janeiro, segundo a PRF; casal foi preso em flagrante neste domingo (11) por tráfico internacional de armas.

Dezesseis pistolas foram apreendidas, na manhã deste domingo (11), em Santa Terezinha de Itaipu, no oeste do Paraná. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), elas estavam escondidas dentro de quatro televisões. Um casal foi preso em flagrante por tráfico internacional de armas.

As armas de calibre nove milímetros foram fabricadas na Argentina e, conforme a PRF, iam ser levadas de ônibus ao Rio de Janeiro. Além das pistolas, cuja numeração estava raspada, foram apreendidos 28 carregadores.

As TVs estavam sendo transportadas no bagageiro de um ônibus que seguia de Foz do Iguaçu, também na região oeste, para Ponta Grossa, nos Campos Gerais. O veículo foi abordado por agentes da PRF por volta das 6h30 na BR-277.

Pena prevista

Se condenados, o rapaz de 25 anos e a mulher de 21 podem ter pena de até oito anos de prisão. De acordo com a PRF, por se tratar de arma de uso restrito, a pena pode ser aumentada em até 50%

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia da Polícia Federal (PF) de Foz do Iguaçu.

Pistolas estavam escondidas em quatro televisões (Foto: PRF/Divulgação)

Pistolas estavam escondidas em quatro televisões (Foto: PRF/Divulgação). 

PRF apreende ônibus com princípio de incêndio no motor transportando mercadoria ilegal

O veículo e outro, ambos com produtos sem nota fiscal, estavam indo de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, para Marília (SP) na manhã deste domingo (11).

Os policiais rodoviários federais controlaram as chamas no veículo na manhã deste domingo (11), em Santa Terezinha do Itaipu. (Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação)

Os policiais rodoviários federais controlaram as chamas no veículo na manhã deste domingo (11), em Santa Terezinha do Itaipu. (Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu um ônibus, que transportava mercadoria ilegal, com princípio de incêndio no motor após o motorista tentar escapar da fiscalização e fugir pela contramão na BR-277, em Santa Terezinha do Itaipu, na manhã deste domingo (11).

A tentativa ocorreu enquanto os policiais fiscalizavam outro ônibus. O motorista tentou a fuga indo do posto posto da PRF para a cidade. Os veículos estavam indo de Foz do Iguaçu, também no oeste do estado, para Marília (SP).

Conforme a PRF, foram encontradas mercadorias estrangeiras importadas irregularmente nos bagageiros dos dois ônibus.

Conforme a PRF, foram encontradas mercadorias estrangeiras nos bagageiros importadas irregularmente. (Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação)

Conforme a PRF, foram encontradas mercadorias estrangeiras nos bagageiros importadas irregularmente. (Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação)

A polícia informou que um dos veículos teve o princípio de incêndio porque havia mercadorias acondicionadas incorretamente próximas ao motor. Os policiais controlaram as chamas no veículo.

Os ônibus, que juntos transportavam 45 passageiros, foram encaminhados para a Delegacia da Receita Federal, em Foz do Iguaçu, para apuração dos tributos das mercadorias.

Do G1 PR

 

Categorias
outros

Empresário diz ter pago R$ 5 milhões em propina para Álvaro Dias

Segredo revelado

Candidato a presidente, Álvaro Dias sempre combateu a corrupção. Mas o inquérito da PF nº 186/2016 pode arranhar essa imagem.

Em um e-mail enviado a Odebrecht, Samir Assad diz que o senador pediu 5 milhões de reais para enterrar a CPI do Cachoeira.

No começo de 2015, Luis Eduardo da Rocha Soares, então diretor do Departamento de Operações Estruturadas da Odebrecht, encaminhou a um interlocutor um e-mail que recebeu de Samir Assad três anos antes para que ele procurasse maiores informações sobre o que estava narrado.

O e-mail tinha como assunto “CPMI – Cachoeira”. Nele, Assad informa que a empreiteira Andrade Gutierrez pagou 30 milhões a parlamentares para “cortar” o assunto, ou seja: parar com as investigações da CPMI.

Nesta mesma mensagem, Samir informa que o Grupo UTC também contribuiu com recursos para a mesma finalidade. E explica que esses recursos eram insuficientes para que tivessem êxito na obstrução das investigações, porque o senador Álvaro Dias tinha pedido mais 5 milhões de reais.

Em anexo, foi enviada uma planilha de controle com o codinome “Alicate”, identificado como sendo o senador.

Alguns dias depois, o interlocutor de Soares fez um relato (ver ao fim do post) do teor da conversa que tivera com Assad. Informou que ele minimizara o problema, deixando claro que se tratava de subornar parlamentar para obstruir investigações criminais e que era muito difícil liga-lo a quem quer que fosse na Odebrecht.

Não havia nada a se preocupar.

 (Reprodução/Reprodução)

Categorias
outros

Guarda Municipal machão de cozinha preso em flagrante na sede da GM de Foz.

Guarda Municipal Luís Carlos de Oliveira  teve a prisão preventiva decretada na audiência de custódia conduzida pela juíza Danuza Zorzi Andrade

Na manhã desta sexta (9) policiais civis da Delegacia da Mulher acompanhados da corregedoria da GM cumpriram um mandado de busca e apreensão contra um integrante da instituição.
Durante o procedimento, o servidor Luís Carlos de Oliveira foi autuado em flagrante por crime de porte Ilegal de arma de fogo, sendo encaminhado para a 6ª SDP.
Apresentado a audiência de custódia, a juíza responsável pela análise dos fatos, decretou a prisão preventiva do servidor, a qual é por tempo indeterminado.

PITACO: triste noticiar um agente público cometendo crimes contra uma mulher, justamente na semana em que se comemora o Dia Internacional da Mulher. Uma lástima!

Categorias
outros

Dono de jornal obrigado a publicar no próprio jornal anúncio de seu protesto bancário

O dono da gazetinha (azedinha do Bonato e do Vermelho) Fabius Augusto Andrion Bonato, o “Fabinho”, teve um título apontado para protesto pelo SICREDI, como se vê abaixo. O curioso é que o anúncio teve que sair no próprio jornal aonde o Fabinho despacha como diretor geral. É o “little orange” do pai, Bonato. Que por sua vez não pode ter nada no nome, porque está devendo um monte. Até os quadros que pintou foram levados pela Justiça Eleitoral.
Já dissemos uma vez e vamos repetir: Judiação o Bonato permitir que o filho, adolescente, se meta com esse negócio de jornal meio que decadente. O garoto deveria é estar cursando uma faculdade. Ponto

PITACO: Aguarda-se o que os órgãos de fiscalização do Estado Brasileiro irão fazer quanto a essa estranhíssima ação entabulada em que se fechou a gazeta antiga, que devia milhões de impostos não recolhidos, e abriram três quadras acima um jornal, similar, em tudo, até na linha editorial, usam os mesmos equipamentos para impressão, como se novo fosse. Para esse blog trata-se de uma sucessão mal-ajambrada para livrar-se de passivos & afins que foram ás calendas gregas. Abriram um novo CNPJ e seguem impunes.
A própria Justiça do Trabalho já reconheceu que o jornal recém aberto é sucessor do antigo, e assim solidário com os processos trabalhistas que tramitam. Até quando seguirão enganando a patuleia? 

NA SESSÃO DESTA SEXTA DA CÂMARA MUNICIPAL LEVANTARAM AS FAIXAS ABAIXO. A MÃE DOS POBRES ARRUMOU PRA CABEÇA. TEM MUITA GENTE QUERENDO A CASSAÇÃO DA MESMA POR CONTA DESTE IMBRÓGLIO.

Agente é preso ao tentar entrar com celulares na cadeia pública de Foz do Iguaçu

Segundo a direção da unidade, flagrante foi feito nesta quinta-feira (8) após uma denúncia.

Agente penitenciário é preso com celulares dentro da cadeia pública de Foz

Agente penitenciário é preso com celulares dentro da cadeia pública de Foz

Um agente penitenciário foi preso nesta quinta-feira (8) tentando entrar com telefones celulares e carregadores na cadeia pública de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná.

Segundo a direção da unidade, o flagrante foi feito após uma denúncia. A informação, repassada há uma semana, indicava a intenção de um agente de entregar telefones e carregadores a presos.

O agente, de 40 anos, passou a ser monitorado até ser preso nesta manhã, quando chegava para trabalhar. Ele tentou entrar com os aparelhos dentro de uma caixa com pães, segundo a polícia.

Câmaras de monitoramento da cadeia registraram o momento em que o agente colocou os celulares e carregadores na caixa de pães servidos aos detentos no café da manhã.

No carro do agente também foi encontrada uma pistola.

O agente pode responder criminalmente por prevaricação – quando um funcionário público contra a instituição que trabalha. Ele também pode responder administrativamente.

“De imediato, ele está à disposição da autoridade e vai ser noticiada à Corregedoria com relação à suposta prática para que sejam tomadas as medidas cabíveis. Por força de lei, todos eles têm porte de arma por conta da profissão. Eventualmente, se ele não tiver registro, pode ser efetuada a prisão em flagrante dele, mas, pelo que me consta, ele possui registro da arma”, comentou o advogado do agente, Dhiogo Anoiz.

Em nota, o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná (Sindarspen) lamentou mais um caso envolvendo “suposta corrupção de um agente” e destacou ser “radicalmente contra qualquer postura e/ou ação que ameace a segurança e a honra da carreira dos agentes penitenciários”.

No dia 7 de fevereiro, um agente foi detido suspeito de tentar repassar ‘kit cadeia’ com celulares e fumo para presosda mesma cadeia

 OLIVEIRINHA NÃO MUDA O DISCO

Oliveirinha na papagaiada de sempre: tirando foto com político. Enaltecendo que o deputado Fernando Giacobo só lembra de Foz do Iguaçu em períodos eleitorais. Aí pousa na área prometendo um monte de coisas. Depois que se reelege, some. E sempre tem gaiatos para incensar esses tipos.
VERMELHO E O FILHO (DIRETOR DA AZEDINHA) JÁ PODEM PEDIR MÚSICA NO FANTÁSTICO: FORAM CITADOS NA DELAÇÃO DO INÁCIO COLOMBELLI.
A RPC, A EXEMPLO DO LÍNGUA, PAUTOU A DELAÇÃO DO COLOMBELLI QUE VOCE CONFERE AQUI