Categorias
outros

Polícia Civil fecha “ponto de droga” no Porto Meira

p1020183p1020185

Na tarde desta segunda-feira (19), investigadores da equipe Charlie/G.D.E realizaram a prisão em flagrante pela prática do crime de tráfico de drogas de Guilherme Vieira Martins, 21 anos de idade, no bairro Porto Meira.

Os investigadores que receberam denúncia pelo Disque Denúncia 197 de que em uma residência na Rua Cara estaria operando um “ponto de drogas” realizaram diligências no local, oportunidade em que tiveram franqueada a entrada pelo dono da propriedade.

Quando realizado buscas no quarto de Guilherme Vieira a equipe logrou êxito em localizar em um recipiente vários pedaços de maconha embalados para a comercialização, e um pedaço maior do entorpecente que estava sendo preparado em porções menores com a mesma finalidade, totalizando 280 gramas.

Diante dos fatos, Guilherme foi encaminhado a Delegacia da Polícia Civil onde foi lavrado o flagrante delito pela prática do crime de tráfico de drogas, sendo posteriormente encaminhado à Cadeia Pública Laudemir Neves.

POLÍCIA PRENDE LADRÃO

p1020183

Polícia Civil cumpre mandado de prisão de autor de roubo

Na manhã desta segunda-feira (19), investigadores da Polícia Civil cumpriram mandado de prisão expedido pela Vara Criminal de São Miguel do Iguaçu, em desfavor de Fosael Pereira Antunes, 27 anos de idade, na região central da cidade.

O mandado de prisão depreende-se do crime de roubo realizado pelo foragido na data de 02 de agosto deste ano, em que Fosael e uma segunda pessoa abordaram a vítima no bairro São Cristovão e de posse de uma arma de fogo obrigaram-a entregar seus pertences pessoais.

Diligências foram realizadas pela Polícia Civil, bem como Polícia Militar, vindo a identificar no dia seguinte à pessoa de Fosael, que além de confessar o crime o mesmo ainda devolveu a bolsa da vítima e entregou aos policiais a arma de fogo utilizada no roubo.

Diante dos fatos, o Delegado de Polícia, Dr. Francisco Sampaio, representou junto ao poder judiciário daquela comarca pela prisão preventiva do mesmo, cumprida na manhã de ontem. Fosael Pereira Antunes foi encaminhado a Delegacia da Polícia Civil, onde foi dado fiel cumprimento ao mandado de prisão e permanece à disposição da justiça.

VEÍCULO RECUPERADO

Por informações do DIEP, a equipe policial, estava em patrulhamento pela região do jardim América, por volta de 16:30h, verificando algumas denúncias no local, quando em busca no mato próximo a alguns barracos na favela da sadia, a equipe logrou êxito em localizar uma porção de maconha que totalizou dois quilos duzentos e noventa e sete gramas e um revólver calibre .32, em estado de abandono. Diante dos fatos, a maconha e o revolver foram encaminhadas a 6ª SDP, para os procedimentos cabíveis.

POSSE ILEGAL DE ARMA DE FOGO

Conforme informações repassadas, por volta de 15:00h, pelo departamento de inteligência do estado do Paraná (DIEP), de que em uma residência na comunidade da sadia, na rua Guimaraes Rosa no jardim América, havia uma arma de fogo do tipo escopeta calibre .12mm guardada. Foi feito uma incursão a pé nesta referida comunidade, onde nesta residência, alvo da informação, havia uma moça, a qual franqueou a entrada a equipe, onde foi perguntado a ela, se tinha conhecimento desta arma de fogo, e esta disse não saber, pois não se envolvia com este tipo de coisa. Porém, em buscas na sala desta casa, escondida no sofá, foi encontrada a arma de fogo, municiada com 2 munições de mesmo calibre. Diante do fato, foi dado voz de prisão a moça e esta foi conduzida para delegacia de polícia civil para providências. Posteriormente, em incursão a mata, próximo a esta residência, foram encontradas 01 munição de calibre .22mm, 01 munição de calibre .25mm e 01 munição de calibre .38mm.

CUMPRIMENTO DE MANDADO DE PRISÃO

Durante patrulhamento pela área sul da cidade, por volta de 17:50h, na rua Pedro Gimenez, próximo a esquina com a rua das Palmas, passou pela equipe um indivíduo em atitude suspeita, feita a abordagem, foi constatado que o mesmo era menor.  Ao checar o nome do mesmo via copom, foi verificado que o menor tinha mandado de apreensão em seu desfavor, diante dos fatos, ele foi encaminhado até a DEA para procedimentos cabíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *