Categorias
outros

Família é amarrada em casa durante assalto, e suspeito morre após confronto com a PM em Foz do Iguaçu, diz polícia

Segundo a polícia, os objetos roubados foram recuperados e devolvidos para a família nesta terça-feira (28), em Foz do Iguaçu — Foto: PM/Divulgação

Segundo a polícia, os objetos roubados foram recuperados e devolvidos para a família nesta terça-feira (28), em Foz do Iguaçu — Foto: PM/Divulgação

Um suspeito, de 19 anos, morreu após um confronto com a Polícia Militar (PM) depois de assaltar uma casa no Jardim Nacional, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, segundo a polícia. O roubo ocorreu na madrugada desta terça-feira (28) e outros cinco suspeitos foram presos.

De acordo com a PM, os suspeitos amarraram a família que estava na casa e a fizeram de refém por cerca de duas horas. Uma criança estava na residência e foi agredida durante o assalto, ela foi atendida pela equipe médica no local e passa bem, segundo a PM.

Conforme o tenente Anderson Ramos dos Santos, a equipe da PM fazia patrulhamento na região e, com o início da abordagem, os suspeitos atiraram contra os policiais, começando assim o confronto.

O suspeito chegou a ser socorrido depois de ser baleado, mas morreu no Hospital Municipal.

Conforme a PM, abordagem e confronto ocorreu após patrulhamento da polícia no bairro, em Foz do Iguaçu — Foto: PM/Divulgação

Conforme a PM, abordagem e confronto ocorreu após patrulhamento da polícia no bairro, em Foz do Iguaçu — Foto: PM/Divulgação

A polícia informou que dentro da casa estavam cinco pessoas, mas não disse a idade das demais vítimas. Além da criança, ninguém se machucou.

De acordo com a PM, a corregedoria da polícia abriu um inquérito interno para investigar o motivo dos disparos de arma de fogo no local feitos pela equipe.

Os objetos roubados na casa, como televisão, impressora e maletas, foram recuperados de devolvidos à família, conforme a polícia.

Segundo a Polícia Militar, os suspeitos chegaram até a residência em dois veículos, e o jovem que morreu tinha passagens por roubos.

O corpo do suspeito foi levado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Foz do Iguaçu.

Segurança durante a quarentena

De acordo com o tenente, as famílias devem redobrar os cuidados com a segurança de casa, mesmo com pessoas nas residências durante a quarentena.

“É preciso ter atenção com a nossa residência e manter o portão sempre trancado. A gente percebe muitas casas com o portão aberto nesse período, por que tem gente em casa e acha que o lugar é tranquilo. Durante a noite é importante procurar iluminar a frente da casa, pois os ladrões buscam por lugares mais escuros”, orientou.

Segundo Ramos, outra recomendação é unir os vizinhos do bairro para formar um grupo em aplicativos de mensagens e um cuidar da casa do outro.

“Os moradores devem se unir, é importante que as pessoas se comuniquem sobre o que está acontecendo. Dependendo do caso, se perceberem uma movimentação estranha, um vizinho pode ligar para o 190. Cachorros também ajudam bastante, pois avisam se tem alguma coisa errada no quintal.”

Com G 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *