Categorias
outros

Laboratório Municipal é habilitado pelo Lacen para fazer testes de Covid-19

Município tem agora dois laboratórios aptos para realizar os testes, com tempo médio de três horas para os resultados

O Laboratório Municipal, administrado pela Fundação Municipal de Saúde, está habilitado para fazer testes de Covid-19 em Foz do Iguaçu. A oficialização foi enviada hoje (29) pelo Laboratório Central do Estado (LACEN/PR), nove dias depois de o município obter o credenciamento.

Com a validação, será possível uma maior celeridade nos resultados e um melhor diagnostico sobre a situação do município frente a pandemia. O Laboratório de Biologia Molecular do Hospital Municipal em parceria com a Unila (Universidade Federal da Integração Latino Americana) terá a capacidade para a testagem de 200 pacientes por dia, numa instituição 100% SUS. O tempo estipulado para o resultado é de três horas.

“Essa é mais uma conquista do nosso Hospital Municipal, do Laboratório, em parceria com a Unila, que cedeu os equipamentos e nos ajudou na compra dos 28 mil testes. Nessa união de esforços, vamos criando em Foz uma estrutura diferente de qualquer outra cidade do Paraná, com dois laboratórios habilitados (Municipal e HMCC). Desta forma, teremos respostas rápidas que possibilitam um melhor monitoramento da doença”, comentou o prefeito Chico Brasleiro.

Testes
Foram investidos aproximadamente R$ 900 mil reais na aquisição de 28 mil kits para exames da Covid-19, sendo 84% deste valor assumido pela Prefeitura, por meio da Fundação Municipal de Saúde, e 16% pela Unila.

“A parceria da Unila e Hospital Municipal foi essencial para que conseguíssemos implantar e realizar os teste de RT-PCR .Por meio dos professores e pesquisadores tivemos acesso à fornecedores de credibilidade, que além de disponibilizarem os melhores insumos e reagentes, conseguiram um prazo de entrega que atendia o nosso planejamento”, destaca Rafael Santos, gerente e responsável técnico do Laboratório Municipal.

“Com essa celeridade no diagnóstico dos exames é possível, por exemplo, tomar decisões em tempo propicio, que venham mitigar os efeitos da pandemia em nosso município e na 9ª Regional de saúde”, enfatizou o  diretor-presidente do Hospital Municipal, Sergio Fabriz.

Para a Unila, esta conquista cumpre  com seu compromisso enquanto  Universidade Federal, de auxiliar o município com seu Know-how tecnológico e cientifico , no enfrentamento a COVID-19. “Mais uma vez entendemos que a consolidação desta habilitação reforça a importância da atuação interinstitucional, onde diferentes atores somam forças, e quem ganha é a sociedade” destaca o professor Gleisson Alisson Pereira de Brito, Reitor da Unila.

Na segunda-feira (27) o Lacen também emitiu a habilitação para que o Hospital Ministro Costa Cavalcanti possa realizar os testes. Caberá à 9ª Regional definir o fluxo de envio das amostras dos casos. Elas poderão ser mandadas para o Lacen ou diretamente para o Costa, com possibilidade de se conseguir o resultado do diagnóstico mais rápido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *