Categorias
outros

Bolsonaro quer perdoar dívidas milionárias de igreja evangélica de apoiador

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o presidente Jair Bolsonaro está pressionando a Receita Federal a perdoar dívidas de igrejas evangélicas, que formam parte do núcleo duro de apoio ao governo.

De acordo com o jornal, Bolsonaro promoveu um encontro a portas fechadas entre o secretário especial da Receita Federal, José Barroso Tostes Neto, e o deputado federal David Soares (DEM-SP), filho do pastor R.R. Soares, da Igreja Internacional da Graça de Deus.

A igreja acumula R$ 144 milhões em dívidas, além de dois processos de R$ 44 milhões no Carf, tribunal administrativo da Receita, sendo a terceira maior devedora da Receita.

Críticas – O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindifisco) reagiu nesta quinta-feira (30)  à pressão do presidente para que o Fisco solucione o impasse envolvendo dívidas tributárias milionárias das igrejas e pediu proteção institucional ao órgão contra “ingerências e arbitrariedades políticas”. O Sindifisco afirma que recebeu “com espanto” a notícia da investida do presidente e diz que Bolsonaro “atropela as leis para, em benefício de alguns contribuintes, atentar contra a administração pública e o equilíbrio do sistema tributário”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *