Publicidade - Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu - Atendimento em casa

Publicidade - Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu - KEZIO

Categorias
outros

Parque das Aves demite 130 funcionários em plena pandemia do coronavírus

Chega a notícia de que o Parque das Aves, um dos mais rendosos atrativos turísticos desta fronteira, decidiu demitir 130 funcionários para amenizar os prejuízos que vem tendo com o fechamento do parque. Ora, vejamos:
Esse equipamento, existente há 25 anos no município, arrecada  fortunas, mesmo porque o preço médio do acesso é salgado e, dentro desta ótica, poderia, facilmente, manter esses funcionários por mais uns seis meses, recebendo seus salários. Sem falar que existem inúmeras outras iniciativas que não a demissão abrupta.
Registre-se que essas iniciativas elencadas não abalaria nem um tiquinho a abissal fortuna que acumularam graças a essas aves em cativeiros. Essa prática denota enorme falta de sensibilidade social que poderá induzir outras empresas a agirem assim. Péssimo exemplo.

Ademais, em nossa opinião pássaro lindo de ser visto é solto na natureza… Voando…

 

Categorias
outros

SC: Após reabertura do comércio, casos de Covid-19 disparam em Blumenau

Crédito: Reprodução

A cidade de Blumenau, em Santa Catarina, registrou de um dia para o outro um aumento de 28,5% no número de casos de Covid-19. Segundo a prefeitura, o número de infectados no domingo (26) somava 167 casos. No sábado, o total era de 130 registros.
Na semana passada, um decreto do governo de Santa Catarina autorizou a reabertura de shoppings e restaurantes. Blumenau foi destaque na mídia após imagens de uma multidão na reabertura de um shopping.

Por meio de nota, a prefeitura da cidade destacou “a importância de manter o isolamento social, nos casos em que as pessoas podem se manter em casa”. E reforçou a recomendação do “uso de máscara sempre que sair de casa e a higienização frequente das mãos”.

Na segunda-feira (27), Santa Catarina informou que já há 1.476 casos confirmados de Covid-19 e 44 mortes pela doença. Blumenau é a segunda cidade com mais casos registrados no Estado, atrás apenas de Florianópolis, com 263 confirmações.

PITACO: E a doença avança…

Categorias
outros

Legislativo quer saber que providencias o prefeito tomou quanto aos 20 mil alunos fora das salas de aulas no município

Vereador Márcio Rosa (PSD) aprovou requerimento pedindo explicações ao prefeito Chico Brasileiro quanto ás providencias que foram tomadas com relação aos alunos da rede municipal de ensino que permanecem em casa desde março. Sabe-se que são mais de 20 mil alunos nesta condição.
No link abaixo a relação dos questionamentos:

Abaixo o requerimento completo:

112_-_2020_-_marcio_ass (1) (1)

Categorias
outros

Família é amarrada em casa durante assalto, e suspeito morre após confronto com a PM em Foz do Iguaçu, diz polícia

Segundo a polícia, os objetos roubados foram recuperados e devolvidos para a família nesta terça-feira (28), em Foz do Iguaçu — Foto: PM/Divulgação

Segundo a polícia, os objetos roubados foram recuperados e devolvidos para a família nesta terça-feira (28), em Foz do Iguaçu — Foto: PM/Divulgação

Um suspeito, de 19 anos, morreu após um confronto com a Polícia Militar (PM) depois de assaltar uma casa no Jardim Nacional, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, segundo a polícia. O roubo ocorreu na madrugada desta terça-feira (28) e outros cinco suspeitos foram presos.

De acordo com a PM, os suspeitos amarraram a família que estava na casa e a fizeram de refém por cerca de duas horas. Uma criança estava na residência e foi agredida durante o assalto, ela foi atendida pela equipe médica no local e passa bem, segundo a PM.

Conforme o tenente Anderson Ramos dos Santos, a equipe da PM fazia patrulhamento na região e, com o início da abordagem, os suspeitos atiraram contra os policiais, começando assim o confronto.

O suspeito chegou a ser socorrido depois de ser baleado, mas morreu no Hospital Municipal.

Conforme a PM, abordagem e confronto ocorreu após patrulhamento da polícia no bairro, em Foz do Iguaçu — Foto: PM/Divulgação

Conforme a PM, abordagem e confronto ocorreu após patrulhamento da polícia no bairro, em Foz do Iguaçu — Foto: PM/Divulgação

A polícia informou que dentro da casa estavam cinco pessoas, mas não disse a idade das demais vítimas. Além da criança, ninguém se machucou.

De acordo com a PM, a corregedoria da polícia abriu um inquérito interno para investigar o motivo dos disparos de arma de fogo no local feitos pela equipe.

Os objetos roubados na casa, como televisão, impressora e maletas, foram recuperados de devolvidos à família, conforme a polícia.

Segundo a Polícia Militar, os suspeitos chegaram até a residência em dois veículos, e o jovem que morreu tinha passagens por roubos.

O corpo do suspeito foi levado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Foz do Iguaçu.

Segurança durante a quarentena

De acordo com o tenente, as famílias devem redobrar os cuidados com a segurança de casa, mesmo com pessoas nas residências durante a quarentena.

“É preciso ter atenção com a nossa residência e manter o portão sempre trancado. A gente percebe muitas casas com o portão aberto nesse período, por que tem gente em casa e acha que o lugar é tranquilo. Durante a noite é importante procurar iluminar a frente da casa, pois os ladrões buscam por lugares mais escuros”, orientou.

Segundo Ramos, outra recomendação é unir os vizinhos do bairro para formar um grupo em aplicativos de mensagens e um cuidar da casa do outro.

“Os moradores devem se unir, é importante que as pessoas se comuniquem sobre o que está acontecendo. Dependendo do caso, se perceberem uma movimentação estranha, um vizinho pode ligar para o 190. Cachorros também ajudam bastante, pois avisam se tem alguma coisa errada no quintal.”

Com G 1

Categorias
outros

Coronavírus: Com menos passageiros, Foz do Iguaçu reduz quantidade e altera horário dos ônibus

Frota contratá com 58 ônibus e funcionará com horário de domingo, em Foz do Iguaçu — Foto: Prefeitura de Foz do Iguaçu / Divulgação

Frota contratá com 58 ônibus e funcionará com horário de domingo, em Foz do Iguaçu — Foto: Prefeitura de Foz do Iguaçu / Divulgação

O transporte coletivo de Foz do Iguaçu começou a operar em horário reduzido, com tabela de domingo, nesta terça-feira (28), segundo o Instituto de Transporte e Trânsito de Foz do Iguaçu (Foztrans).

De acordo com o instituto, a frota também foi reduzida por causa da baixa demanda de passageiros diante da pandemia do novo coronavírus. O transporte coletivo passou a atender os usuários com 45 ônibus nos horários intermediários e recebe mais 12 veículos nos horários de pico.

O instituto informou ainda que estuda a possibilidade de liberar o transporte alternativo na cidade, como vans, para o transporte de passageiros conforme o aumento da demanda.

De acordo com o Foztrans, a limpeza dos equipamentos e higienização dos ônibus, previstas no decreto municipal como medida sanitária, são de responsabilidade do consórcio.

Segundo o instituto ainda, antes da pandemia, 68 mil pessoas utilizavam o transporte coletivo diariamente em Foz do Iguaçu. O município operava com 154 veículos, para 47 linhas.

Funcionamento dos ônibus

De acordo com a prefeitura, deve ser limitado o número de passageiros nos ônibus para manter o distanciamento de segurança entre eles.

Conforme o Foztrans, os usuários deverão usar máscaras no transporte coletivo.

O pagamento de passagens continua sendo exclusivamente com o cartão eletrônico, segundo o instituto, e também se mantém uma única entrada no Terminal de Transporte Urbano (TTU).

Categorias
outros

Ex-deputado é condenado por usar dinheiro público para promoção pessoal no Paraná

Conforme a decisão, Alexandre Guimarães (PSD) gastou R$ 66,2 mil com promoção pessoal entre janeiro de 2015 e março de 2018 — Foto: Reprodução/Alep

Conforme a decisão, Alexandre Guimarães (PSD) gastou R$ 66,2 mil com promoção pessoal entre janeiro de 2015 e março de 2018 — Foto: Reprodução/Alep

O ex-deputado estadual Alexandre Guimarães foi condenado por improbidade administrativa por usar indevidamente dinheiro público para promoção pessoal. O político que tem base eleitoral em Campo Largo, na Região de Curitiba, teve os direitos políticos suspensos por oito anos e terá que devolver a verba com correção.

A decisão do juiz substituto Thiago Flôres Carvalho, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Curitiba, é de fevereiro, mas foi comunicada ao Ministério Público do Paraná (MP-PR), que denunciou o caso, nesta segunda-feira (27).

O ex-deputado foi acusado de fazer publicidade pessoal em Campo Largo com dinheiro da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). Segundo a promotoria, ele gastou R$ 66,2 mil, entre janeiro de 2015 e março de 2018.

Na ação, o MP-PR relata que o então deputado usou o dinheiro em anúncios em outdoor, inserções em rádios locais, boletins, sites, matérias jornalísticas de circulação local e em eventos com equipamentos de mídia e som.

Na decisão, o juiz afirmou que “ao empregar dinheiro público em proveito próprio, bem como o trabalho de servidor comissionado para a mesma finalidade, o réu, para além de acarretar prejuízo ao erário, enriqueceu-se ilicitamente à custa da administração”.

O que diz o ex-deputado

Em nota, Alexandre Guimarães disse que todos os gastos com publicidade foram feitos seguindo à risca o regimento interno da Alep.

Ele afirmou também que não foi intimado da decisão e que vai recorrer assim que tomar ciência do conteúdo oficialmente.

Categorias
outros

Bolsonaro oficializa Mendonça como ministro da Justiça e Ramagem na PF

PITACO: O ex-AGU André Mendonça segundo Bolsonaro se encaixa no cargo porque é “terrivelmente” evangélico. Então teremos no ministério da Justiça um evangélico praticante. Não demora vai parar no STF no lugar do Celso Melo que vai ao pijama. Quanto ao Ramagem até os gaypecas de rua sabem: É amigo de copa e cozinha do Carlos Bolsonaro, logo, não vai colocar seu friend em nenhuma fria. Era isso que o presidente Bolsonaro queria, blindar os filhos.

PITACO II: Já o André Luiz de Almeida Mendonça é um advogado e pastor presbiteriano brasileiro.

Cursou Teologia na Faculdade Teológica Sul Americana, em Londrina.

Foi assessor especial do ministro da Controladoria-Geral da União Wagner Rosário entre 2016 e 2018.

Foi advogado da Petrobras Distribuidora até ingressar na carreira de advogado da União, em 2000.

Ele começou como procurador-seccional da União em Londrina, passou ao cargo de vice-diretor da Escola do órgão, foi coordenador de Medidas Disciplinares e chegou ao cargo de corregedor-geral.
Mendonça foi diretor do Departamento de Patrimônio Público e Probidade Administrativa, nomeado pelo então advogado-geral José Antonio Dias Toffoli.

Formado em direito em 1993 na Faculdade de Direito de Bauru (Instituição Toledo de Ensino), no interior de São Paulo.

Amigo apadrinhado do casal Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann, portanto, recomenda-se ao Bolsonaro ficar bastante veiaco.