Categorias
outros

Com mais de 1,5 mil novos casos em 24 horas, Paraná suspende atividades não essenciais em sete regiões; veja decreto

Com G 1

Governador Ratinho Júnior anunciou quarentena mais restritiva para sete regiões do Paraná — Foto: Reprodução

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), decretou, nesta terça-feira (30), medidas mais restritivas de combate ao coronavírus.

Entre as restrições, está a suspensão de atividades não essenciais em sete regiões do estado.

Em uma coletiva, antes do decreto, o governador ressaltou o avanço de casos da doença no estado, que atingiu recorde de confirmações nas últimas 24 horas, e ressaltou que as restrições não caracterizam lockdown.

“Não estamos fazendo lockdown. Estamos aplicando uma quarentena mais restritiva em algumas regiões do estado onde a curva do crescimento está fora do controle”, disse o governador.

As medidas restritivas, segundo o decreto, serão aplicadas nas regiões de:

  • Cornélio Procópio;
  • Cianorte;
  • Toledo;
  • Cascavel;
  • Foz do Iguaçu;
  • Curitiba e Região;
  • Londrina.

O decreto pode ampliar o número de cidades, de acordo com Ratinho, conforme a curva de crescimento do volume de casos.

Conforme o governador, as novas regras devem ser adotadas pelas regionais de saúde das cidades por 14 dias a partir desta quarta-feira (1º). Quem descumprir as medidas estará sujeito à multa, de acordo com o governo.

Leia mais 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *