Categorias
outros

Operação da PF contra facção criminosa cumpre 101 mandados de prisão no Paraná

101 mandados de prisão são cumpridos no Paraná, segundo a PF — Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta segunda-feira (31), 101 mandados de prisão e 72 de busca e apreensão no Paraná na segunda fase da Operação Caixa Forte, que investiga crimes de lavagem de dinheiro de uma facção criminosa ligada ao tráfico de drogas.

Em todo o Brasil, a operação acontece em 20 estados e cumpre mais de 600 mandados. O Paraná é o estado com maior número de mandados.

Também foram bloqueados cerca de R$ 252 milhões em contas ligadas ao Primeiro Comando da Capital (PCC).

A polícia investiga lavagem de dinheiro e pagamento de valores mensais a membros do grupo que estão presos que ocuparam cargos de relevância na organização criminosa ou executado missões determinadas pelos líderes do grupo como, por exemplo, execuções de servidores públicos.

Segundo a PF, há mandados sendo cumpridos contra pessoas em liberdade e presas. No Paraná, 32 alvos estão presos em quatro penitenciárias do estado.

De acordo com a PF, esta é a maior operação da corporação em número de estados, mandados e valores apreendidos.

Investigações

primeira fase da operação identificou que 210 membros da facção que estão presos recebiam os pagamentos mensais.

Os pagamentos, afirma PF, eram feitos por meio de contas de pessoas que não pertenciam à facção, a fim de evitar a identificação dos recursos por parte das autoridades.

Leia mais 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *