Categorias
outros

Ministério Público investiga nepotismo na Prefeitura – Chico Brasileiro contratou o seu filho 1 semana após a formatura dele

CHICO DISTRIBUI BENESSES E SINECURAS PARA OS FAMILIARES

O prefeito Chico Brasileiro (PSD) contratou o próprio filho recém-formado para “trabalhar” na Prefeitura de Foz. A operação foi feita às pressas, uma semana após a formatura do jovem.

Em 06 de dezembro de 2019, o filho de Chico e Rosa formou-se em Medicina pela Universidade Regional de Blumenau. Em 13 de dezembro, Chico Brasileiro e o então secretário Municipal da Saúde, Nilton Bobato, assinaram documento fichando o rapaz na prefeitura.

Caio Gabriel Jeronymo Lima Brasileiro, de 25 anos, entrou na prefeitura pelas portas dos fundos, através da Ledesma e Gauto – Clínica Médica Ltda, contratada sem licitação, cuja sede fica no apartamento residencial de dois sócios. Aliás, o prefeito morou por vários anos no mesmo edifício da clínica, o Saint Peter – na Vila Maracanã.

O caso é uma afronta à população, que amarga enorme desemprego, principalmente de jovens recém-formados. Mas o filho do prefeito contou com o privilégio de arranjar um baita emprego ainda com o diploma quentinho em mãos. Detalhe, ainda sem residência médica.

A contratação do próprio filho sem concurso público por si só é uma afronta aos princípios constitucionais da moralidade, e da impessoalidade, além de ser nepotismo. Em quase 1 ano atendendo na rede pública de saúde, Caio já recebeu uma boa grana (inclusive recurso do covid-19).

Chocado? A Justiça também. O caso “De Pai para Filho” na Prefeitura de Foz é alvo de investigação no Ministério Público. Veja os documentos…

Docs extraídos do Portal da Transparência

 

2 respostas em “Ministério Público investiga nepotismo na Prefeitura – Chico Brasileiro contratou o seu filho 1 semana após a formatura dele”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *