Categorias
outros

FARRA COM DINHEIRO PÚBLICO

O Ministério Público do Estado do Mato Grosso vai gastar a bagatela de R$ 2.200.000,00 para comprar 280 aparelhos telefônicos das marcas iPhone (modelo 11 Pro Max) e Samsung (Galaxy Note 20 Ultra 5G e Galaxy S10). O processo licitatório foi concluído no último dia 19 de novembro. Desta notícia, que circulou em todos os veículos da imprensa tupiniquim, surgem várias perguntas: porque raios o Ministério Público tem que comprar iPhones para seus membros, os quais são regiamente e muito bem pagos? Porque a Conselho Seccional do Mato Grosso da Ordem dos Advogados do Brasil não ingressou com uma ação judicial para questionar essa licitação tão esdrúxula? Algum cidadão mato-grossense já buscou o judiciário, por meio de uma Ação Popular (Lei nº 4.717, de 29 de junho de 1965), para questionar a validade deste ato lesivo ao patrimônio público e à moralidade administrativa? O brasileiro precisa sair do discurso fácil das redes sociais e partir para o questionamento no judiciário, e a ação popular é um santo remédio para essas e outras situações semelhantes que dilapidam os cofres públicos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *