Publicidade - Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu - Atendimento em casa

Publicidade - Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu - KEZIO

Categorias
outros

CDHMP PEDE REVISÃO DO PLANO MUNICIPAL DE VACINAÇÃO

Tendo em vista que a cidade de Foz do Iguaçu, conta com mais de
2000 pessoas que cumprem pena judicial nas diversas unidades
prisionais aqui existentes, a grande maioria delas em regime fechado.
Considerando que, desde o início da pandemia de coronavírus mais de 500 detentos das penitenciárias I e II adquiriram a doença, mais precisamente, 390 na PEF I e 147 na PEF II.
Considerando que no mesmo período 73 servidores do sistema
prisional que trabalham em Foz do Iguaçu também adquiriram a COVID.
O Centro de Direitos Humanos e Memória Popular de Foz do Iguaçu, vem publicamente manifestar sua opinião de que os
apenados e os trabalhadores no sistema prisional sejam considerados prioritário para receber a vacina contra tal patologia. Tal posição foi manifestada pelo nosso representante
em reunião do Conselho da Comunidade para o cumprimento de penas, a qual foi realizada no último dia 27 de janeiro.
Reitera ainda o CDHMP, a necessidade de uma urgente revisão do Plano Municipal de Operacionalização da Vacinação contra COVID-19, tendo em vista que no referido documento emitido pela Administração do Município, existem sérias discrepâncias, e erros estatísticos, que ao fim e ao cabo, afetam o planejamento da vacinação reclamada pela população iguaçuense.
Foz do Iguaçu, em 29 de janeiro de 2021

CDHMP PEDE REVISÃO DO PLANO MUNICIPAL DE VACINAÇÃO

Categorias
outros

DESTINO FINAL

 

Categorias
outros

Manifestantes fazem carreata a favor da vacina e contra Bolsonaro, em Foz do Iguaçu

Ato realizado foi realizado na manhã deste domingo (31) — Foto: Marcos Landim/RPC

Sob forte chuva, manifestantes percorreram as ruas e avenidas de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, na manhã deste domingo (31), para pedir agilidade na vacinação contra a Covid-19 e também o impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A carreta saiu da região do bairro Itaipu C, passou pelo Cidade Nova e seguiu em direção ao Centro de Foz.

O ato foi promovido por sindicatos, movimentos sociais, organizações de juventude e partidos políticos. A manifestação foi intitulada de “Vacina gratuita e para todos, já!”.

Manifestantes fazem carreata a favor da vacina e contra Bolsonaro, em Foz do Iguaçu  — Foto: Marcos Landim/RPC

Manifestantes fazem carreata a favor da vacina e contra Bolsonaro, em Foz do Iguaçu — Foto: Marcos Landim/RPC

Categorias
outros

GREVE DOS CAMINHONEIROS

Nesta segunda feira os caminhoneiros prometem paralisação que pode engessar o país.
Detalhe: na última greve da categoria em 2018 receberam o apoio do Bolsonaro, e retribuíram despejando os votos nele…

Agora Bolsonaro vai encarar o outro lado da moeda.

Um áudio do ministro Tarcísio agita caminhoneiros na véspera da greve.

Veja AQUI 

 

Categorias
outros

PREFEITO CHICO BRASILEIRO RECEBEU UMA MULTINHA ELEITORAL

Prefeito Chico Brasileiro levou uma multinha de R$ 5.320,00. Mixaria. Ao contrário das multas aos jornalistas que podem chegar até a um milhão de reais.

Veja abaixo o julgamento no TRE.

Diário da Justiça Eletrônico

Categorias
outros

CONHEÇA OS PRESOS NA TERCEIRA FASE DA OPERAÇÃO LUZ OCULTA

Na sequencia as pessoas que foram presas preventivamente na operação Luz Oculta fase III. Á maioria empresários de Santa Terezinha de Itaipu.

Mailon de Lara Vaz (empresa de luminárias de Curitiba -Luxfort)
Marcelo de Lara Vaz (Luxfort)
Sheila Hibner
Bianca Porfirio (foragida)
Lindanir Hibner Linhares
Júlio de Oliveira Dias Júnior (Dono da Energepar)
Drielly Nayara Colita (Energepar)
Rivelino Ribas Machado. (Luxfort)
Marcos de Lara Vaz (Luxfort)
Yasmin Siqueira Souza Vaz

Só estão na rua a Sheila Hibner e a Lindanir Hibner Linhares com tornozeleira, o restante todos presos.

Detalhe: O promotor de Justiça do Gepatria dr Marcos Cristiano Andrade ofereceu denúncia ao juizo da 1ª Vara Criminal contra 18 pessoas pelos crimes de formação de quadrilha e falsidade ideológica, dentre outros.

O então prefeito de Santa Terezinha de Itaipu na época dos fatos não foi alcançado pela denúncia criminal, mas é dado como certo que o será na denúncia de improbidade administrativa que virá na sequencia.

A primeira versão desta operação deu-se em Foz do Iguaçu ocasião em que um capitão da PM do Gaeco de Foz foi preso pelo Gaeco de Curitiba quando extorquia um empresário ligado a esses negócios de lampadas de LED. Depois vieram outra que foram cumpridos buscas e apreensões tendo como alvo secretários da prefeitura de Foz do Iguaçu.

Estima-se que o esquema desvendado na operação Luz Oculta III  possa ter atuado em outros municípios inclusive em Santa Catarina. Na sequencia deverão ocorrer mais desmembramentos das investigações.

De acordo com o TCE a empresa operada pelo grupo firmou só no Paraná 66 contratos com 27 municípios e 28 entidades no valor de R$ 83.191,172,11.

PITACO: Na terrinha onde o poste mija no cachorro o Vera Verão e o Landerson Travenssoli ainda não foram conferir o cheiro do boi. Ainda não…

 

Categorias
outros

Londrina entra na briga para sediar Universidade de Tecnólogos do Exército

Londrina entrou na disputa nacional para ser sede da Escola de Sargentos de Armas. Disputa com Recife (PE) e Santa Maria (RS). Nesta semana, durante três dias, o general Joarez Alves Pereira Jr., acompanhado dos coronéis Salonski e Albuquerque, do gabinete do Comandante do Exército, estiveram no município para conhecer áreas com potencial para abrigar a imensa escola. O deputado federal Filipe Barros é quem articulou a entrada de Londrina entre as possíveis cidades sede e está tentando viabilizar a empreitada. O investimento estimado do Exército para o projeto é de R$ 1 bilhão. A escola é considerada uma “Universidade de Tecnólogos do Exército” e terá um efetivo militar correspondente a 5 batalhões como o que já existe em Apucarana. Ela será comandada por um general. Os militares que estiveram na cidade receberam do parlamentar camisas do Londrina grafadas com os seus nomes de guerra.