Categorias
outros

A nova rodada da pesquisa XP/Ipespe mostra continuidade na trajetória de alta da rejeição ao governo de Jair Bolsonaro

São 48% os que consideram o governo ruim ou péssimo, três pontos
percentuais a mais que o levantamento anterior. Desde outubro, quando o movimento de alta se iniciou, a avaliação negativa saltou de 31% para os 48% de agora. Nesse período, os que consideram o governo ótimo ou bom saíram de 39% para 27%. A diferença de 20.3 pontos percentuais entre os que têm avaliação negativa e os que têm avaliação positiva é a maior desde maio do ano passado.
Em direção contrária, no entanto, melhorou a avaliação que os brasileiros fazem da atuação de Bolsonaro para enfrentar o coronavírus – embora permaneça majoritariamente negativa. Caiu de 61% para 58% os que a consideram ruim ou péssima, e passou de 18% para 21% os que dizem avaliá-la como boa ou ótima. Já em relação aos governadores, a avaliação piorou: passou de 23% em fevereiro para 31% os que dizem considerar ruim ou péssima a atuação do governador do próprio estado (essa pergunta não havia sido feita no levamento do início de março).
Outros indicadores mostram que nunca esteve tão grande o medo que os entrevistados dizem ter sobre a pandemia. São 55% os que dizem estar com muito medo da doença, contra 49% no último levantamento.
Foram realizadas 1.000 entrevistas de abrangência nacional nos dias 29, 30 e 31 de março. A margem de erro máxima é de 3,2 pontos percentuais para o total da amostra.

Saiba mais clicando no link:

Pesquisa XP_ 2021_04 (1)

2 respostas em “A nova rodada da pesquisa XP/Ipespe mostra continuidade na trajetória de alta da rejeição ao governo de Jair Bolsonaro”

Os Esquerdopatas Abestados continuam batendo na tecla da rejeição do Bolsonaro, através da publicação de pesquisas do “além mundo”, mas não entendem que a população acordou para esse tipo de trapaça e “estórias facsiósas”
Uma lástima!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *