Categorias
outros

Bonato perdeu novamente. É a praxe


Bonato e sua advogada Márcia Miglioli de Carvalho tentaram me processar sem sucesso

Ano passado o Bonato (cheio de moral), em companhia de sua advogada Márcia Miglioli de Carvalho, foram até a 6ª SDP e pediram para falar com o delegado chefe. Prontamente atendidos, disseram-lhe que estavam no local para representar criminalmente contra este editor. As denúncias eram de calúnia, difamação e injúria (colocaram tudo). Mostraram-se preocupados com a possibilidade de o denunciado não ser encontrado para ser intimado da bronca. Doutor delegado os tranquilizou dizendo que isso não aconteceria, pois sou pessoa pública, muito conhecido, e coisa e tal…
Próximo passo, audiência para tentativa de conciliação no fórum, que não teve sucesso devido a intransigência do autor. Nas palavras da advogada dali para frente seria assim: escreveu, vem processo. Perderam a paciência comigo. Estavam bravíssimos.
E lá fui eu aguardar os tais seis meses para que a representação fosse registrada para preparar minha defesa. Sabe o que aconteceu? Doutora advogada não representou, doutor juiz arquivou o procedimento. Só posso concluir uma coisa: a advogada deve ter faltado á aula nesse dia, quando se tratou deste tema. Não tem outra explicação.
Isso, meus caros, vem corroborar mais uma vez aquilo que sempre falei do Bonato: O gajo é incompetente. Até o recôndito da alma. Em tudo que se meteu ao longo da vida terminou em trapalhadas. Vou repetir:
Ás inúmeras tentativas que fez de virar dono de restaurantes, fracassaram todas. A agencia de publicidade faliu. A tentativa de virar pintor fracassou (Justiça eleitoral confiscou os quadrinhos todos). A outra de virar cineasta também foi pro vinagre. O tal jornaleco vive claudicando. Se o vermelho não se eleger vai fechar.
O tal festival de humor acabou tudo na Justiça, sendo que o Paulo McD só não se tornou prefeito, em parte, por isso.
Em suma, o Bonato é um trapalhão. Não me sinto confortável um dizer isso, mas desgraçadamente é a  mais cristalina verdade.  Acho até que desperdiçaram o título de cidadão honorário que o vereador Marcio Rosa lhe deu. Bonato segue condenado por improbidade administrativa pela Justiça federal. Herança do fest/humor. 

 

Categorias
outros

Estado publica licitação para construção de viaduto em Foz

O Governo do Paraná publicou nesta sexta-feira (22) no Diário Oficial o edital para construção de um viaduto no cruzamento da Avenida Costa e Silva com a BR-277 na chegada de Foz do Iguaçu. O investimento será de R$ 20 milhões na obra, uma das maiores demandas de infraestrutura do município. “Uma obra importante que vai facilitar a chegada em Foz, desafogar o trânsito em um dos principais acessos da cidade e aumentar a segurança para os motoristas, pedestres e ciclistas”, disse a governadora Cida Borghetti, que autorizou o lançamento do edital.

Leia Mais »

Categorias
outros

Justiça anula denúncia contra policiais rodoviários federais acusados de facilitar contrabando

MPF não fundamentou adequadamente o arcabouço de provas

Na época, os policiais rodoviários federais que trabalhavam em postos de fiscalização da BR-277 em Santa Terezinha de Itaipu, Medianeira e Céu Azul foram acusados de receber propina para liberar ônibus supostamente carregados de produtos contrabandeados.

A denúncia aponta ainda que conversas entre os agentes, interceptadas entre 1998 e 1999, indicam que em média eram cobrados R$ 300 por ônibus em cada um dos postos.

A negociação entre os motoristas e os policiais era feita por um casal de intermediadores, também réus na ação agora anulada.

Os réus são acusados de facilitação de contrabando e descaminho, corrupção ativa e passiva, concussão, peculato e tráfico de influência.

Na decisão, publicada na quinta-feira (21), o juiz aponta que não há provas suficientes para dar continuidade ao processo, tornando a denúncia nula.

“É preciso observar, ainda, que não há nos autos notícia do que estava sendo transportado nos mencionados ônibus, fato que torna inviabilizado o reconhecimento da facilitação de contrabando ou descaminho”, aponta em um trecho da decisão.

Segundo a assessoria de imprensa da Justiça Federal, caso os crimes não estejam prescritos, o MPF-PR pode recorrer da sentença.

Defesa

O advogado Rogério Botelho, que representa a maioria dos réus, se disse satisfeito com a decisão, já que atendeu a um pedido feito pela defesa justificando que “da forma que a denúncia estava descrita impedia o exercício da ampla defesa e do contraditório, por ser muito genérica, não descrevendo a conduta dos investigados”.

Botelho destacou ainda que, apesar das falhas da denúncia, a defesa conseguiu demonstrar que não houve crime.

Até a última atualização desta reportagem, a assessoria de imprensa do Ministério Público Federal no Paraná não havia retornado para comentar a decisão.

Com G1 PR

Categorias
outros

Desembargador do TRF-4 homologa ‘delação do fim do mundo’ de Palocci

Testemunha e cúmplice dos crimes da era PT, ex-ministro promete contar tudo

Ex-ministro Antonio Palocci tenta negociar segunda delação com MPF de São Paulo.

O desembargador João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), sediado em Porto Alegre, homologou hoje (22) os depoimentos de delação premiada do ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci com a Polícia Federal (PF), que vem sendo chamada de “delação do fim do mundo”. Os depoimentos estão em segredo de Justiça, e o conteúdo não foi divulgado. Palocci está preso desde setembro de 2016 em função das investigações da Operação Lava Jato.

O ex-ministro fechou os termos da delação com delegados responsáveis pelas investigações da Lava Jato após os procuradores do Ministério Público Federal (MPF) rejeitarem o acordo. O ex-ministro foi condenado pelo juiz Sérgio Moro a 12 anos, dois meses e 20 dias de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro em um dos processos da operação.

A decisão foi tomada após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que, nesta semana, validou autorização legal para que delegados das polícias Civil e Federal possam negociar delações premiadas, conforme previsto na Lei de Organizações Criminosas (12.850/2013).

Categorias
outros

A SEGUNDA TURMA DO STF NÃO PODE SOLTAR O LULA

Porque a decisão de 5 ministros não pode se sobrepor a de 11 ministros. Explica-se: o pleno do STF já deliberou que a prisão em segunda instância é constitucional. E a tchurma do Gilmar Mendes, Toffoli e Levandovsky não podem mudar isso de afogadilho. Lula vai continuar preso. PT saudações …

Assim que acabai de escrever o texto acima chegou o de baixo

Com a decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) de não remeter o recurso extraordinário movido pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra sua condenação na Operação Lava Jato, o ministro Edson Fachin arquivou o pedido da defesa de Lula para que o recurso ganhasse efeito suspensivo e levasse o petista a deixar a cadeia. O julgamento do pedido de liberdade estava marcado para a próxima terça-feira, 26, e foi cancelado por Fachin, relator da Lava Jato no Supremo.

PAULO ANGELI PRESIDIU O PROS DO CAZUZA


Na foto Paulo Angeli, deputado Toninho Wandscheer, Cazuza, e o Hamilton Nunes, o “mito”. 

Nestes dias de festival de turismo tenho visto o Paulo Angeli, o língua plesa, concedendo honrarias a várias altas autoridades com um troféu de “amigo do festival de turismo”. Bonito isso, se não fosse o fato de o Paulo ter sido braço direito do Cazuza. Foi presidente do PROS no município com a benção do mesmo Cazuza. Certas coisas não se esquecem facilmente…

SOBRE GAIATOS, CAGUETAS, X-9 E O ESCAMBAU


O trio Landerson Travenssoli, Luiz Duarte e Oliveirinha decidem quem são os X 9 na fronteira

Se você for profissional de imprensa, costuma ir á delegacia central para buscar informações junto aos delegados, cuidem-se, porque poderão ser rotulados de caguetes. A novidade vem do trio maravilha Landerson Travenssoli, Luiz Duarte e Oliveirinha.
Os gaiatos entraram numas de escrever que, quem dar notícias policiais, para informar á população, não é repórter, é caguete, X 9. Na cachola dessa gente funciona assim. O delegado te passa a notícia, aí você noticia, e vira dedo-duro. É mole?

PS: Oliveirinha todos conhecem, e os dois gaiatos do resistência também porque eram ligadíssimos ao ex-vereador Brito e ao Cazuza a ponto de usarem a sala do Brito no shopping Mercosul, com direito ao bumbo da Vera Verão… Depois que a dupla entrou em cana vazaram do local. Detalhe: Travenssoli paga cestas por homofobia praticada no interior da Câmara Municipal. Não sabemos porque o presidente do legislativo vereador Rogério Quadros  não abriu sindicância para apurar a grave ocorrência com o assessor do vereador Jahnke. Porque será Presidente? Homofobia é coisa grave. Fere os direitos fundamentais das pessoas. Mas ainda está em tempo… Ah, ia me esquecendo… o Travenssoli é compadre do prefeito afastado de Santa Terezinha de Itaipu, Claudio Eberhard. Foi por isso que ele tentou impedir o trabalho da imprensa quando o mesmo deixava a cadeia. Meteu-se na frente da câmera do repórter cinematográfico.  Coisa feia.